16.1.10

satori

tinha de reserva uma pequena colecção de hipóteses mais ou menos plausíveis para explicar a minha progressiva dificuldade em entrar, e ficar sentada, quieta, amorosa e concentrada, dentro de um bom livro - trate-se de um amor por toda a vida repetido ou de uma nova paixão nascida do momento: a) resultado natural do envelhecimento; b) efeito secundário do anti-depressivo; c) consequência da erva fumada na juventude; d) influência da má visão na atenção.  hoje, depois de encontrar, neste artigo, o que me parece ser a palavra final sobre a verdadeira origem do meu progressivo mal, deitei fora todas as explicações que tinha em stock mas guardei o imac (onde escrevo e através do qual publico este post) assim como o iphone (através do qual recebi e no qual li o texto iluminador).

10 comments:

  1. :-) não consegui ler até ao fim 'esse artigo'.
    Q.E.D. :-)

    ReplyDelete
  2. assim fazendo jus tese do autor...

    ReplyDelete
  3. Quero começar por lhe dizer que li o artigo inteiro e que o fiz com muito agrado pois além de bem documentado está bem escrito e com humor como aliás é corrente na maioria dos media de língua inglesa. Seguidamente, e não obstante o que disse acima, não quero deixar de a incentivar a não seguir os conselhos do autor de modo a poder continuar publicando na internet este belo blogue que há muitos meses sigo regularmente, com interesse e proveito apesar de ser esta a primeira vez que me atrevo a postar um comentário.
    leitora silenciosa

    ReplyDelete
  4. muito obrigada pelo seu interesse leitora silenciosa. por favor" atreva-se" sempre a comentar o que lhe apetecer pois só para isso serve o espaço da conversa. quanto ao resto, parece-me ser quase nulo o "risco" de eu, treslendo o que li, deixar de meter on line esta "coisa". tal é a quantidade e variedade de benefícios pessoais que tiro do exercício deste tipo de escrita, nomeadamente no que diz respeito à prática da contemplação referida no artigo.

    ReplyDelete
  5. Q.E.D (Quod Erat Demonstrandum) e "fazer jus"... du pareil au même, parece-me. :-)

    ReplyDelete
  6. devida a razões de fundo (nada tenho nunca para dizer) ou de forma ('nético' nabo, nem sempre consigo entrar n@ gv, hélas!), a minha (quase) ausência da conversa desgostou, espero, as duas leitoras para quem escrevo, a própria gv e a tinóni. descubro agora que corro o risco de ter uma terceira leitora, silenciosa, o que me anima a voltar às lides com a mesma falta de convicção, a mesma consciência de inutilidade e as mesmas (más?) companhias, efe vg e clara, se bem se lembram ou importam. et me voilà, brrr a dizer brrr.
    ps1: comungo, se me é permitido, das reflexões da leitora silenciosa sobre o artigo e a blogueira.
    ps2: aqui a ex-formosa dra. ana amélia de castro, mé para os íntimos e vulgar do glória para o glória do vulgar, pitosga e coxa de seu estado, rimalhadeira amarga por vocação, insiste em que divulgue algumas rimalhações que me atirou:

    e lá estás tu meu parvalhão
    a armar de novo em toleirão
    sem cuidar nada do que hão
    de as três leitoras exclamar
    quando te virem lá voltar:
    mas que grande é o nosso azar!

    brrr

    ReplyDelete
  7. Apesar de muito e facilmente informados deixaremos de ser ignorantes? Ignorância sendo a ausência da ideia de viagem, de esforço, de paciência?
    Teremos acesso a tudo ficando um ponto imóvel do qual nunca saiu a alma?

    ReplyDelete
  8. To whom it may concern (meaning- mainly- gv):
    a joke não é senão isso. só 'joko' com quem me merece consideração/ estima. sou useira e vezeira nisso. creio q gv - e não só- o sabe.

    claro q li artigo para que nos dirigiu gv até ao fim. desavergonhadamente mandei, sem dar cavaco (maldita palavra flagelatória) o link para o FB e por mail para alguns amigos. do facto apresento desculpas. com devida autorização mandarei o nome do blog gv.

    ReplyDelete
  9. tinoni tinoni tinoni grita a gv meaning que sabe mais do que parece...

    ReplyDelete
  10. atenção amiga chamou a minha atenção para o facto de não ter "dado" ainda autorização para mandar nome deste blog para o FB. peço desculpa pelo atraso e acentuo o gosto e a honra que é para a sua escrevinhadora ver o seu gv a andar pelas bocas do mundo FB

    ReplyDelete

Note: only a member of this blog may post a comment.