16.11.09

os dias

cortados às fatias.

5 comments:

  1. “os dias - cortados às fatias“ soa bem.
    e sabe bem? ou não?
    - dia cheio, intenso, 'vivo e terno' em cada instante, dia muito? aula reussie, encontro bouleversant, conversa útil\simpática\dinamizadora, livro surpreendente, teatro\filme\concerto entusiasmante, netos delícia, amig@s amantes, orgasmos múltiplos - sucessão de sucessos, repetidos 'mergulhos em mar ou seda', e aquele final cansaço feliz que dá bom sono e sonhos bons? dia muito que parece muitos?
    - ou dia disperso, chato, dividido, perdido, que se arrasta aos soluços e parece não mais acabar - e acaba por acabar em enjoo, enfado e insónias do género “que vida de merda, mas que ando eu para aqui a fazer“?
    dia sim ou dia não, eis a questão.

    ReplyDelete
  2. ah! este meu subconsciente ocidental maniqueísta!
    dias não ou dias sim, quando os dias são (quase) sempre assim assim.

    ReplyDelete
  3. ou inteiros e leves como rendas. lembras?
    o branco velho da infância, esgarçado um pouco o ponto, por ponto, a pensar o azul.

    ReplyDelete
  4. Como um bolo?
    Isso são só alguns dias. De festa.
    Outros são mais fatias de pão com manteiga.

    ReplyDelete
  5. fatias é finório. eu é mais nacos. de pão e de dias.

    ReplyDelete

Note: only a member of this blog may post a comment.