31.3.10

fotografia futura

fotografo, fotografo e fotografo: quase sempre as mesmas coisas e nos mesmos espaços; mas tanto fotografo o presente como no passado - e, em dias de mais sorte consigo fotografar-me em futuro.

4 comments:

  1. fotografar pra não esquecer, sorrir ao lembrar. adoro fotos! até mesmo as que só existem na minha memória :)

    oi ;D
    :*

    ReplyDelete
  2. fotografas grafas afas muito bem! quase sempre as mesmas coisas como não? mas fotografar o presente como no passado é o quê? e fotografar-te em futuro em dias de mais sorte? sabes que te adoro mas não entendo. burrice de brrr? brrr

    ReplyDelete
  3. é que "adorar" agrafa os olhos do adorador, assim tornados cegos para a coisa adorada. na ópera de stravinsky, os olhos de édipo rex jorrando sangue depois de furados pelos seus agrafos de ouro.

    ReplyDelete
  4. pois não, querida requerida, adorável adorada. este brrr, que sou, calha ser fabricado todo de lucidez: por natureza, só posso 'adorar' lúcido, não sei 'adorar' cego. vejo/leio muito, busco/pergunto se não entendo, e não amocho como devia(?) se não descubro ou não respondem. lúcido, continuo de olhos abertos a ver tudo o que calhar, a 'adorar' ou não coisas e pessoas, e a sempre encolher ombros e dizer brrr, que a vida dura pouco e eu morro lúcido. (édipo cegou-se, diria, porque não cabiam no quadro mental que lhe deram os factos reais que lhe ocorriam. eu brrr ao contrário sou produto da realidade toda, venho depois dela e a minha existência é vê-la: cego, não existo.) brrr

    ReplyDelete

Note: only a member of this blog may post a comment.